Para a indústria alimentícia, implementos rodoviários e hidrovácuos, os tampos mais usados são MG10 e MG6.
Para a indústria químico-petroquímica e equipamentos de alta pressão, os tampos mais usados são MG21, MG65, MGSE.

Tampos com características especiais:
1. Diâmetro interno (D)
2. Quantidade
3. Tipo de tampo
4. Altura da parte reta (h)
5. Material (especificação)
6. Espessura nominal
7. Espessura mínima pós-conformação
8. Tratamento térmico: recozimento pleno, alívio de tensões etc.
9. Tolerâncias (se diferem da STD)
10. Ensaio destrutivo (necessidade de)
11. Ensaios não destrutivos (ultra-som, raio X, líquido penetrante etc.)
12. Entidade inspetora

Tampos para uso comum:
1. Diâmetro interno (D)
2. Quantidade
3. Tipo de tampo
4. Altura da parte reta (h)
5. Material (especificação)
6. Espessura nominal